O Turismo


O Turismo

A Região Litorânea de Caucaia abrange Iparana, Pacheco, Icaraí, Tabuba e Cumbuco, onde em algumas destas praias já se encontra uma atividade turística em grande crescimento, com opções de um trade que atenda a várias esferas da sociedade, com destaque para o turismo de sol e praia, sendo este segmento o que mais se destaca no estado.

Caucaia detém um relevante fluxo de turistas do estado do Ceará, atrás apenas de Fortaleza. É necessário enfatizar que em Caucaia o número de turistas cresceu entre os anos de 2007-2008 a um percentual de 42,28%, devido especialmente às belas praias. O município apresenta-se atualmente como um dos principais pólos turísticos do Ceará, tendo o segundo maior fluxo turístico do estado com cerca de 380 mil turistas por ano (SETUR 2015), principalmente devido a influência polarizadora da metrópole Fortaleza e praia do Cumbuco. Na lógica turística metropolitana, destacam-se a concentração de empreendimentos e investimentos turísticos nos espaços litorâneos. O Destino de Cumbuco já é referência nacional para a prática de esportes, com ênfase no kitesurf, que vem otimizando cada vez mais a entrada de turistas internacionais além de suas paisagens naturais. Portanto, apesar de Cumbuco está inserida num município relativamente pobre, mas com muito potencial turístico, elevada atratividade turística para o segmento de sol e praia devido às belas praias, dunas e lagoas, com ótima temperatura o ano todo e ventos favoráveis à prática de esportes, especialmente os náuticos.

O turismo em Caucaia cresceu significativamente nos últimos anos contribuindo para a geração de emprego e do nível de renda da população. No período 2004/2011 o fluxo turístico saltou 433.241 para 936.194 visitantes, cuja variação foi de 116,1%, ou seja, cresceu na base de 21,2% ao ano. O fluxo internacional no período saiu de 32.493 para 79.576 turistas, apresentando uma variação de 144,9%, sendo a taxa anual de crescimento na ordem de 25,1%. A participação da renda gerada pelo turismo passou de R$ 96,2 para R$ 270,3 milhões. 

No mesmo período, a demanda hoteleira passou de 118.499 para 270.858 hóspedes, apresentando uma variação de 128,6%, cujo crescimento anual de foi de 23,0%.  No mesmo período a taxa de ocupação média anual da rede hoteleira oscilou entre 43,1% e 55,3%, cuja média foi de 28,3%. A oferta da rede hoteleira de Caucaia, medida pela capacidade instalada em termos de Uhs aumentou de 560 em dezembro de 2004, para 1.429, verificando-se uma variação de 155,2%.

Apresentando boa infraestrutura turística, quando comparada a outros municípios da região, o acesso ao município de Caucaia é feito principalmente pela Av. Ulisses Guimarães e rodovias BR-222, BR-020, CE-090 e CE-085, além de estradas secundárias. Caucaia está distante 16 km rodoviários de Fortaleza, estando as duas cidades interligadas através da ponte José Martins Rodrigues sobre o rio Ceará, que liga a Avenida Leste-Oeste à rodovia estadual CE-225, interligada com a BR-222. Destacamos aqui, como quesito favorável na análise da infraestrutura, a via que dá acesso à Costa do Sol Poente que além de apresentar boa conservação para tráfego, recebe diariamente um grande número de acessos de frotas de transportes com destinação turística (ônibus, carros particulares, outros) que possibilita acesso não só ao litoral turístico da região, como também, à outras praias de grande atratividade dos turistas.

De uma maneira geral, o que concerne à análise dizer que o município de Caucaia apresenta aspectos favoráveis que confirmam sua boa atratividade de fluxo turístico. Desta feita, sendo considerado o Cumbuco como um dos principais destinos turísticos do Ceará, apontado nas pesquisas do governo como um dos maiores em termos de visitação, depois da capital do Estado – Fortaleza.



Prefeitura de Caucaia
Rodovia CE-090 KM 01, n° 1076, Itambé, Caucaia/CE - CEP: 61600-970